sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Operação conjunta das polícias visa coibir acidentes em rodovias do Maranhão no Carnaval

Com o objetivo de garantir a tranqüilidade nas rodovias estaduais e federais (BR's), a Secretaria de Segurança Pública (SSP) por meio das polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Departamento Trânsito do Maranhão (DETRAN/MA), Polícia Rodoviária Federal (PRF), com a participação da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) deflagrará uma megaoperação para prevenir e impedir o registro de ocorrências de acidentes de trânsito durante o Período Carnavalesco em todo o estado.

Intitulada "Operação RodoVida" , a ação acontecerá nos dias 17 e 18 em todo o Maranhão. O planejamento dos trabalhos foi debatido durante uma reunião realizada nas dependências da Delegacia Geral, na sede da SSP, na manhã desta quinta-feira (8) com os representantes das várias instituições participantes. A Operação RodoVida foi idealizada pelo Ministério da Justiça e já vem sendo desencadeada em diversos estados da federação.

Segundo a delegada geral da Polícia Civil, Cristina Resende, os trabalhos serão estendidos para as entradas e saídas de cada município no Maranhão. "Estamos unindo os esforços para que em todo o estado haja segurança durante o carnaval. Além da capital, algumas cidades que recebem um grande número de pessoas nesta época do ano, também terão ações da operação", explicou. Uma Instrução Normativa será publicada, determinando que as equipes da Polícia Civil também deflagrem a operação em todo o Maranhão.

Os trabalhos serão concentrados nas entradas e saídas da capital (Estiva e Terminal da Ponta da Espera). No Quilômetro Zero, próximo ao retorno no Bairro do São Cristovão, equipes da Polícia Rodoviária Federal e da SMTT farão uma ação presença controlando a fluidez do trânsito. Uma guarnição da PM também será deslocada para o local. No Km 14, ponto fixo da operação, equipes compostas pela PM, PRF, Polícia Civil, DETRAN realizarão ações de planfetagem, distribuição de folders, além de policiamento repressivo, verificando o transporte clandestino, a presença de armas e drogas e embriaguez ao volante, entre outros pontos. Uma equipe da Delegacia de Acidentes de Trânsito (DAT) permanecerá no local para lavrar todos os autos de flagrantes.

A superintendente da PRF no Maranhão, Tereza Nascimento, ressaltou a importância da união das polícias. "A operação representa as forças de segurança, de maneira antecipada, para prevenir ocorrências no trânsito. Com as varias forças policiais unidas, quando algum delito for registrado, automaticamente todo o Sistema de Segurança, nos âmbitos municipal, estadual e federal estarão cientes do fato e rapidamente se chegará ao autor do delito", ressaltou.

Já a partir desta sexta-feira (10) e no sábado (11), ações educativas serão feitas na cidade de Timon, no bloco tradicional do Zé Pereira. Uma ação pedagógica foi planejada para o local. Com relação ao policiamento da capital, o Comandante do Policiamento Metropolitano, tenente-coronel Jéferson Teles informou que o planejamento estratégico está em fase de finalização de acordo com o calendário e os pontos de festas.

Estiveram presentes ainda, o superintendente de Polícia Civil do Interior, delegado Jair de Lima Paiva; o delegado Antonio Carvalho, da Superintendência de Polícia Civil da Capital; a delegada Ana Cláudia Campos, titular da Delegacia de Acidentes de Trânsito; o chefe do Núcleo de Apoio Técnico da Superintendência Regional da PRF/MA, Almir Bilio; e Leonardo Sampaio, Assessor de Comunicação do DETRAN.

A Operação RodoVida foi lançada pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, com o intuito de reduzir acidentes graves de trânsito no país. É a primeira vez que uma operação articula nacionalmente agentes da Polícia Rodoviária Federal, as polícias dos estados, municípios e agências de trânsito.

0 comentários :

Postar um comentário