quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Rapaz de 20 anos e um menor estupraram idosa de 82 e apenas um foi preso pela polícia


O caso revoltou os moradores do povoado Bela Estrela, as margens da MA-006 sentido à cidade de Arame. Segundo depoimento da Srª Eva de Sousa Dutra, o fato ocorreu dia (22) segunda-feira em sua residência por volta das 22h00min, a idosa de 82 anos disse que estava acompanhada de seu marido Sabino Gomes Dutra de (89) anos, quando os dois indivíduos não identificados, porque estavam com o rosto coberto e sem camisa invadiram sua casa derrubando a porta e armados de faca, entraram pedindo dinheiro.

A faca foi colocada no pescoço da idosa que não tinha dinheiro e foi amarrada, disse ela à polícia. A crueldade foi tanta que o morador companheiro da vítima estava na cama quando os meliantes a empurram da cama jogando-o no chão, logo em seguida derrubaram a senhora sobre a cama e começaram a praticar sexo anal com a idosa.
Um papagaio da vítima que era falador começou a gritar por socorro, mais foi esmagado no pescoço pelos rapazes, depois de terem praticado o ato, eles bateram no idoso de (89) anos e saíram levando a bolsa com todos os documentos da idosa. 

Antes de saírem informaram para a mulher, que caso ela procurasse a polícia voltariam para mata-la. (audácia). Quando foi falado isso a idosa conheceu a voz de um deles o acusado Djalma de Sousa Teles Junior (20) anos, o idoso que não se locomove só com ajuda dos outros, foi socorrido pela esposa que estava também, quase sem se movimentar, devido o estupro.

Os dois evadiram-se do local, somente neste dia (23) a polícia se dirigiu ao local para prender os acusados, após levantamentos de informações. Djalma foi preso pela corporação da Força Tática no comando do grupo Cabo Amaral, Cabo A.Marcos e Soldado Borges. Ele foi preso aqui em Grajaú quando vinha fugindo do Povoado.

Entenda a prisão, após saber que a polícia iria busca-lo, Djalma planejou sair do Povoado, a polícia civil foi atrás de Djalma, e acabou passando por ele que já vinha em uma caminhonete, após chegar ao Povoado, foi informado que o mesmo já tinha saído do local nesta caminhonete, por não conseguir mais acompanhar a PC ligou para o quartel, quando uma barreira foi montada pela FT (Força Tática) e Djalma foi preso.

Eva de Sousa Dutra idosa 82 anos
Em entrevista na DP (Delegacia de Polícia), Djalma disse que estava bebendo com o companheiro conhecido como Jardiano que é menor, e a polícia ainda deve investigar se ele participou, por esse motivo não foi preso ainda, se confirmado ele será recolhido, os dois tiveram a ideia de ir até a casa da moradora, assaltar dinheiro, disse que beberam dois litro e que não lembra como tudo ocorreu, tentou se livrar das acusações do estupro, mas logo depois confessou que também participou. No momento ele dizia que foi apenas Jardiano, ao ser perguntado se ele tinha mãe e que se fosse com a mãe dele, o rapaz baixou a cabeça e disse está arrependido, pois fez o ato junto com o parceiro, neste momento ele foi preso e deve responder pelo crime de tentativa de assalto, espancamento e estupro. O delegado de Grajaú Idaspe Perdigão, agiu em menos de 24 horas e, o objetivo do delegado é prender o outro acusado, caso ele tenha mesmo participado do ato.
 
com informações deolhoemGrajaú.com

0 comentários :

Postar um comentário