Resultado de imagem para Caminhoneiros continuam com protestos em 88 pontos de 27 BRs 
Balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF) aponta que a manifestação dos caminhoneiros continua interditando 88 pontos de rodovias federais brasileiras. Ao todo, os motoristas estão tendo dificuldades para trafegar em 27 BRs.
Os estados da Região Sul são os que têm mais pontos de protestos. O Rio Grande do Sul é o estado mais prejudicado, com 31 pontos de bloqueio. Em seguida vem Santa Catarina, com 21 e Paraná, com 19. Em Mato Grosso há dez pontos bloqueados, inclusive um na capital Cuiabá, na Bahia, três e no Ceará, um.
As rodovias federais 116, 163 e a 282 são as que têm mais manifestações. Na Bahia todos os protestos estão concentrados na cidade de Luiz Eduardo Magalhães, um na BR-20, no Km 211, e dois na BR-242, nos Kms 874 e 887.
Apesar do anúncio de acordo firmado entre governo e caminhoneiro nessa quarta-feira (25), muitas interdições, segundo a PRF, começaram hoje, entre elas toda as que permanecem ativas em Mato Grosso, 13 no Paraná, 13 no Rio Grande do Sul, a do Ceará e nove em Santa Catarina.
Pela proposta apresentada ontem, o governo promete sancionar a Lei dos Caminhoneiros sem vetos, prorrogar por 12 meses o pagamento de caminhões por meio do Programa Procaminhoneiro e criar, por meio de negociação entre caminhoneiros e empresários, uma tabela referencial de frete. Nesse item, os representantes dos caminhoneiros pediram que o governo atue na mediação com os empresários.