"AGORA TEM SEGURANÇA",

"AGORA TEM SEGURANÇA",

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Governo vai dar resposta rápida sobre ataque à Força Nacional, afirma Moraes

Soldados foram baleados após entrarem no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro.

Moraes disse que dois criminosos que participaram da ação já foram identificados.
Moraes disse que dois criminosos que participaram da ação já foram identificados. - Foto: Reprodução

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, disse que os militares baleados por traficantes, foram vítimas de “uma intercorrência lamentável e covarde ao errarem o caminho e entrarem na Vila do João, no Complexo de Favelas da Maré”.
Moraes disse que o soldado Hélio Vieira, que é de Roraima, foi ferido na cabeça e está sendo operado há mais de duas horas no hospital. O outro militar ferido está passando bem e sofreu apenas um ferimento de raspão e deve ser liberado do Hospital Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador. Um terceiro militar não sofreu ferimentos.
Moraes disse que as forças de segurança do Estado estão no local e dois criminosos que participaram da ação já foram identificados. “Vamos atuar para prender essas pessoas rapidamente”, afirmou o ministro.
O ministro vai se reunir com o ministro do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, Sergio Etchegoyen, no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) “para analisar os fatos e dar uma resposta rápida à sociedade”.

0 comentários :

Postar um comentário