"AGORA TEM SEGURANÇA",

"AGORA TEM SEGURANÇA",

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Maranhenses morrem em acidente automobilístico na BR-010, no Pará

Morreram o policial Ancelmo Batista Júnior e Amanda Pereira Silva
O carro em que estava o casal ficou totalmente destruído.
 O carro em que estava o casal ficou totalmente destruído. - Foto: Divulgação/ WhatsApp
Um casal de Imperatriz morreu em um grave acidente acontecido no início da tarde desta segunda-feira (2), no KM 87 da BR-010, em Ulianópolis, no Estado do Pará. Uma criança e uma mulher ficaram feridos.
De acordo com a Polícia Rodoviária do Pará, no acidente morreram o policial militar do Tocantins, Ancelmo Batista Júnior e Amanda Pereira Silva. Uma criança ficou ferida.
O acidente se deu por volta das 13h, e está registrado como saída de pista do automóvel Fiat Pálio de placa MWP- 8858-Imperatriz (MA). No entanto não há informações sobre o que teria causado essa saída de pista.
Os corpos foram removidos do local para o Instituto Médico Legal (IML) de Ulianópolis, assim como os feridos para um hospital, também, da cidade...

O PRF L. Carvalho, informou que as causas do acidente serão apuradas. No início da noite a Polícia Militar do Tocantins emitiu uma Nota de Pesar pela morte do policial Ancelmo. Veja a nota:
Nota de Falecimento do Sd. Ancelmo Batista Júnior:
Com grande pesar lamentamos o falecimento de mais um guerreiro militar, o Soldado Ancelmo Batista Júnior, solteiro, sem filhos, natural de Imperatriz no Maranhão, e que há pouco mais de dois anos ingressou na Polícia Militar do Tocantins.
O jovem militar de apenas 30 anos, sofreu um acidente de carro juntamente com sua namorada próximo à cidade de Ulianópolis no Pará, quando retornava de Salinópolis no mesmo Estado.
Pessoa calma e tranquila, profissional dedicado e disciplinado. Desde menino sempre sonhou em ser policial, conseguindo realizar seu sonho e sendo exemplo para os futuros combatentes. Possuía um excelente relacionamento com toda tropa da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar em Tocantinópolis, onde atualmente estava trabalhando na função de motorista do comando de policiamento urbano.
Em dia enlutado, a família policial militar do Estado do Tocantins lamenta profundamente a perda deste profissional exemplar e se solidariza com parentes e amigos. Que Deus em sua infinita sabedoria possa confortar o coração de todos diante de mais esta perda irreparável para a corporação.
O Comando Geral da Polícia Militar do Estado do Tocantins declara neste dia, luto pelo falecimento deste tão honroso amigo, filho e militar.
Glauber de Oliveira Santos – CEL QOPM
Comandante Geral da PMTO

0 comentários :

Postar um comentário