ANTES NÃO TINHA, AGORA TEM.

ANTES NÃO TINHA, AGORA TEM.

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Vigilante de banco e dois comparsas são presos por tentativa de assalto

Um dos localizados era o vigilante da instituição financeira.

José Augusto dos Santos e Jocimar Santana Pinto
Por Nelson Melo
Em mais uma ação feita pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), três homens foragidos da Justiça foram capturados nas cidades maranhenses de Paulo Ramos e Bom Lugar, na madrugada desta terça-feira (6). Os suspeitos eram procurados por uma tentativa de assalto ao Banco Bradesco, ocorrida no primeiro município, quando o gerente da agência ainda foi estuprado. Um dos localizados era o vigilante da instituição financeira...

Durante uma entrevista coletiva realizada à tarde, no auditório da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP/MA), foi revelado pelo titular da Seic, delegado Tiago Bardal, que, no dia 30 de maio deste ano, um grupo formado por cinco criminosos rendeu o gerente do banco, na cidade de Paulo Ramos, e o manteve em cárcere privado. Os bandidos queriam que ele facilitasse a abertura do cofre da agência, para que o dinheiro fosse levado.
Nesse intervalo, o funcionário ainda foi estuprado pelos suspeitos, pois a vítima estava resistindo, provavelmente. No dia seguinte, prosseguiu Bardal, o bando levou o gerente ao Bradesco, na madrugada, por volta de 1h, com maçaricos e botijão de gás, ferramentas que seriam utilizadas para arrombar o cofre. Contudo, o alarme disparou e os membros da quadrilha saíram correndo e fugiram no carro da vítima, que ficou abandonada dentro da instituição financeira.
O primeiro a ser preso foi Jocimar Santana Pinto, de 32 anos, conhecido como “Joça”, que era o vigilante do Bradesco. Na sequência, as equipes da Seic localizaram José Augusto dos Santos, 46. E por último, prenderam Josué da Silva Souza, 38, o “Joca”.

JP.

0 comentários :

Postar um comentário