CAMPANHA MOTO LEGAL

CAMPANHA MOTO LEGAL

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Maranhão tem quase quatro mil queimadas em agosto, diz Inpe

Queimadas cresceram no Maranhão no mês de agosto (Foto: Reprodução/TV Mirante) 

Número foi bem acima dos meses anteriores. Em julho foram registradas 2.521 ocorrências, em junho foram bem menos: 885 focos de incêndio.

O mês de agosto de 2017 foi o mais preocupante quanto às queimadas no Maranhão, de acordo com números divulgados pelo Programa de Monitoramento de Queimadas e Incêndios do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). O mês registrou 3.875 queimadas no estado. Grajaú, nos últimos meses é a cidade que mais sofre com os focos de incêndio.
O número foi bem acima dos meses anteriores. Em julho foram registradas 2.521 ocorrências, em junho foram bem menos: 885 focos de incêndio, e em maio apenas 163.
As queimadas em agosto deste ano superaram também as do ano passado no mesmo período, que teve 3,72 mil focos. A média histórica para o mês é de 3,12 mil. No Brasil, o mês de agosto deste ano teve 10.468 ocorrências.
Nos últimos dias, o município do Maranhão que mais sofre com este problema é Grajaú, distante 557 km de São Luís.
Os dados apontam que nos últimos cinco meses, Grajaú está em sexto lugar num ranking de cidades com mais focos de incêndio. Em maio foi apenas um, mas em junho já foram 24, em julho subiu para 109, e saltou para 294 em agosto. Nestes primeiros dias de setembro, a cidade já registrou 144 queimadas.

G1.com 

0 comentários :

Postar um comentário