ANTES NÃO TINHA AGORA TEM.

ANTES NÃO TINHA AGORA TEM.

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Protestos contra o governo marcam desfile da escola de samba Paraíso da Tuiuti

O desfile da escola de samba carioca Paraíso da Tuiuti, que passou pelo sambódromo do Rio de Janeiro na noite deste domingo (11), está repercutindo fortemente nas redes sociais. Em enquete do site UOL, a escola ganha o Carnaval com 78,86% dos votos. O enredo apresentado, “Meu Deus, Meu Deus, Está Extinta a Escravidão?”, trouxe forte crítica política e social, refazendo a história do Brasil à luz dos explorados e vindo até os dias atuais. Um dos destaques era um homem com faixa presidencial, aludindo ao presidente Michel Temer, intitulado “vampiro neoliberalista”. Uma ala trazia “manifestoches”, com passistas fantasiados de patos; outra, lembrava o trabalho informal, fazendo referência à reforma trabalhista.
No topo do último carro da escola, o vampiro foi representado por um professor de história, Léo Morais. “Esse protesto é uma retomada dos enredos críticos. A gente está num momento que tem que gritar mesmo”, afirmou ele após o fim do desfole. “Todo mundo quer botar pra fora, as pessoas querem gritar o 'Fora Temer'”, acrescentou. Neste ano, Temer atingiu mais de 90% de rejeição entre os brasileiros.                              
 
O clima no camarote da Rede Globo, de onde Fátima Bernardes, Alex Escobar e Milton Cunha narravam o desfile, foi de constrangimento e poucos comentários, especialmente diante da ala onde os “manifestoches”, que teriam sofrido manipulação da mídia. Após a apresentação, o camarote da emissora recebeu vários participantes da Tuiuti, mas nem o vampiro-presidente nem os patos-manifestantes foram tema das entrevistas.

0 comentários :

Postar um comentário