terça-feira, 19 de junho de 2018

Em delação, Marcos Valério entrega esquema de corrupção do PSDB

O depoimento, entretanto, não será liberado até haver homologação pela Justiça do acordo de delação premiada.

Na sexta-feira (15/6), o publicitário Marcos Valério deu depoimento por sete horas no Departamento Estadual de Investigações sobre Fraudes em Belo Horizonte, em delação premiada acordada com a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG).
De acordo com uma pessoa que acompanhou o depoimento, os relatos são “impactantes”. Rodrigo Pinho de Bossi, chefe do Departamento, não deu entrevista, mas anunciou que deve falar sobre o caso em coletiva”. “O Valério implodiu o PSDB”, completou.
O depoimento, entretanto, não será liberado até haver homologação pela Justiça do acordo de delação premiada.
Marcos Valério cumpre pena de 37 anos e cinco meses de prisão por participação no caso conhecido como Mensalão do PT.

0 comentários :

Postar um comentário