terça-feira, 4 de setembro de 2018

Evolução do Ideb acaba com tática sarneyzista de atacar educação do governo Dino

Foi por terra uma das principais estratégias da oligarquia Sarney para esse período de campanha. A divulgação da evolução do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) no Maranhão foi um duro golpe para o clã, que tinha como uma das principais táticas descredibilizar o carro chefe do governo Flávio Dino: a educação.
Com o resultado divulgado pelo Ministério da Educação (MEC), acerca do crescimento da nota dos alunos maranhenses, que subiu de 2,8 para 3,4 entre 2013 e 2017 – durante o governo Flávio Dino – aumento de 21% no período, número considerado estratosférico pelo governador, a oligarquia Sarney ficou sem discurso.
Eleito prometendo mudar o Maranhão por meio de uma revolução na educação, Flávio Dino vai conseguindo cumprir sua promessa com louvor. Em três anos e meio os feitos são muitos, e a cereja do bolo veio agora com a maior nota do Ideb da história do estado....

Para conseguir esse feito, o governo Dino investiu na valorização dos professores – que hoje recebem o maior salário do país – além da reforma e construção de mais de 700 escolas em todo o Maranhão, por meio do programa Escola Digna, que também substitui estruturas de taipa e barro por alvenaria.
A implantação de 49 escolas em tempo integral foi preponderante para esse resultado, além da formação e capacitação de professores.
“Em 3 anos e 8 meses de trabalho sério e diário conseguimos alcançar o MAIOR IDEB DA HISTÓRIA DO MARANHÃO e também outros índices importantes como o MAIOR crescimento (acima da média do Nordeste), saímos de 21° para 13° no ranking nacional, a MAIOR taxa de aprovação, a MENOR taxa de abandono escolar, a MENOR taxa de reprovação e essa é a ÚNICA VEZ que o IDEB cresceu 2x no mesmo governo e estamos em 3° lugar no Nordeste”, comemorou o secretário Felipe Camarão.
Mesmo herdando uma estrutura educacional precária e arrasada, o governo Flávio Dino investiu maciçamente na área e agora colhe os frutos das sérias políticas públicas implantadas. Para o desespero da oposição sarneyzista, que estrebucha, mas não consegue esconder a evolução na educação do Maranhão.

Blog John Cutrim

0 comentários :

Postar um comentário