terça-feira, 12 de março de 2019

Corpo de PM que morreu em perseguição a suspeito em Mirinzal segue para o PI

Deve seguir para Teresina, capital do Piauí, ainda na tarde desta segunda-feira (11) o corpo do policial militar Samuel Caetano Albuquerque Marques, de 22 anos. Ele morreu pela manhã em acidente de moto durante perseguição automobilística a um suspeito de tráfico de drogas no bairro Santo Antônio, em Mirinzal, cidade localizada no norte maranhense.
O policial piauiense era lotado na 2ª Companhia Independente de Polícia Militar do Maranhão (PMMA) em Mirinzal e estava na corporação desde 2018. Caetano Albuquerque colidiu contra um poste e morreu de imediato no local.
“Tratava-se de um policial do mais alto garbo, brilhante no exercício de suas atividades, sagaz no desempenho das suas funções policiais militares, missão que realizou de forma sempre zelosa, comprometida com a proteção dos mais vulneráveis e com a preservação da paz social; além de ser filho dedicado e amoroso e companheiro de farda querido por todos”, afirmou em nota o comandante da 2ª CI, major Wagner Silva Monteiro.
Quatro policiais em motocicletas da PMMA participaram da perseguição. O homem suspeito de tráfico de drogas já foi identificado, mas conseguiu fugir por que os PM’s pararam para prestar socorro ao companheiro de farda.
O comandante do 22° BPM, tenente coronel Salles Neto também prestaram condolências pela morte de Caetano. “Manifestamos o mais profundo sentimento de solidariedade neste momento de dor da Polícia Militar do Maranhão”, disse nota do 22° BPM.
A Prefeitura de Mirinzal se manifestou sobre o caso e disse lamentar profundamente o falecimento do soldado e pediu que “Deus conforte o coração de todos atingidos por este episódio”.


MA10

0 comentários :

Postar um comentário