quinta-feira, 4 de julho de 2019

Conselho Tutelar acompanha caso da criança que ficou em coma alcoólico

O menino não tem documentação, nem registro de nascimento.

O caso da criança de 2 anos que deu entrada, nesta terça-feira (02), no Hospital Municipal Tomaz Martins, em Santa Inês, após sofrer um coma alcoólico, está sendo acompanhado pelo conselho tutelar. De acordo com informações da polícia, a criança será entregue a uma tia, já que o pai está viajando. A mãe, Roseane Aires Vieiras, responderá pelo crime abandono de incapaz, negligência, além da facilitação de bebida alcoólica a menores.
A criança teria, segundo a mãe, pego uma garrafa de bebida na calçada da casa da família. Os primeiros socorros foram feitos por uma guarnição do 7° Batalhão de Polícia Militar do Maranhão, durante rondas no bairro Sol Nascente. O menino estava desfalecido quando foram iniciadas manobras de reanimação e, após a abertura das vias respiratórias e massagens, a criança regurgitou o bolo alimentar e apresentou sinais de vida.
Ainda de acordo com relato da mãe, que estava embriagada, ela teria saído com uma amiga para comprar sopa e quando retornou à casa, encontrou o filho desacordado na cama. Desesperada, ela informou que saiu na rua pedindo ajuda quando a polícia chegou.
A principio, havia suspeita da criança ter se engasgado ou uma possível intoxicação alimentar, mas no hospital os exames confirmaram que a criança havia ingerido uma grande quantidade de bebida alcoólica.
O conselho tutelar informou que essa não é a primeira ocorrência registrada contra a mãe. O menino não tem documentação, nem registro de nascimento.


MA10

0 comentários :

Postar um comentário