quinta-feira, 5 de setembro de 2019

Barroso: “Vivemos em um momento de onda negativa”

Para o ministro do Supremo, o “trauma” gerado pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff, em agosto de 2016, fez mal ao país.

Citando o desemprego e a queda da renda, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou nesta quarta-feira (04/09/2019) que “vivemos um momento de uma onda negativa”. Para ele, o “trauma” gerado pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff, em agosto de 2016, fez mal ao país. As declarações foram feitas durante o evento “Um olhar para o Brasil”, do Centro Universitário de Brasília (UniCeub).
“Nós vivemos um momento de uma onda negativa. Houve um somatório de coisas ruins. O trauma gerado pelo impeachment, que fez mal ao país. Os maiores níveis de desemprego. Queda de renda. Há um abalo na autoestima geral da cidadania brasileira causada por todos esses fatores”, declarou o magistrado.
 Patriotismo
Para Barroso, apesar de todos os problemas enfrentados pelos brasileiros, “há uma demanda por patriotismo” e “essa energia muda paradigmas e a história”.
“Pode parecer sombrio, mas acho que vivemos um momento de repensarmos e daí fazermos um novo país”, avaliou.
O ministro acredita que os impasses fazem o país amadurecer. “Tenho uma visão construtiva do que está acontecendo. Apesar de tudo, nós poderíamos escrever como as democracias sobrevivem. Apesar de termos passado por tudo, ainda assim podemos celebrar estabilidade institucional”, disse.

Metrópoles.com 

0 comentários :

Postar um comentário