quinta-feira, 9 de janeiro de 2020

Lava Jato: PF faz buscas no DF e prende ex-senador no Pará

Agentes investigam pagamento de R$ 1,5 milhão de caixa 2 para candidato nas eleições de 2014.

Polícia Federal faz, na manhã desta quinta-feira (09/01/2020) a Operação Fora do Caixa, um desdobramento da Operação Lava Jato. Os agentes cumprem dois mandados de prisão temporária e seis de busca e apreensão em Brasília, Palmas (TO) e Belém (PA). O ex-senador Luiz Otávio Campos foi preso.
A investigação da PF que culminou na operação teve início com a colaboração premiada feita por executivos Odebrecht. Na ocasião, eles relataram pagamento de R$ 1,5 milhão para o candidato ao Governo do Estado do Pará Helder Barbalho, nas eleições de 2014, prática conhecida como caixa 2.
De acordo com os depoimentos, foram feitas três entregas, nos valores de R$ 500 mil reais cada, entre setembro e outubro de 2014. O recebimento do valor teria sido intermediado por um ex-senador.
Os suspeitos são investigados por falsidade ideológica eleitoral, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.
A investigação teve início no Supremo Tribunal Federal (STF), mas houve uma paralisação uma vez que a competência para processar e julgar crimes dessa natureza cabe à Justiça Eleitoral.
Metrópoles.com

0 comentários :

Postar um comentário