DROGARIA CHAVES

Atendimento de Qualidade é com a Gente.

ANUNCIE COM A GENTE

(99) 98185-5061

BIO Laboratório de Analises Clinicas

Realizamos coleta em sua residencia.

ISETED

Seu futuro começa aqui.

CN Motos

Sua Concessionaria Honda em Barra do Corda.

Acesse http://www.ifenix.com.br/ e confira as promoções e novidades

Ligue e agende uma visita tecnica (99) 3643-1859.

sábado, 19 de janeiro de 2019

Preso procurado por diversos crimes no Maranhão e Piauí

Um homem suspeito de falsificação de documento público, corrupção de menores e receptação foi preso nesta sexta-feira (18) em operação conjunta da Polícia Civil de Araioses e Polícia Militar de Parnaíba- PI.

Antônio Jaime Araújo Cardoso, o Nego Jaime de 29 anos, é investigado em outros inquéritos policiais pela prática de crimes de homicídio, tráfico de drogas e associação criminosa, crimes estes praticados nas cidade de Parnaíba- PI e Araioses.
O suspeito chefiava quadrilha especializada em roubos e furtos de motocicletas na cidade de Parnaíba/PI, que eram trazidas e vendidas por receptadores na cidade de Araioses. De igual forma, trazia drogas do estado do Ceará, que eram distribuídas a traficantes das duas cidades. O preso foi conduzido para a Unidade Prisional de Ressocialização de Tutoia, de onde será recambiado para as Unidades Prisionais de Chapadinha ou São Luís.
Os trabalhos foram coordenados pelo Delegado Titular de Araioses, Raphael Reis, e pelos tenentes PMPI Souza Filho e Madislan do 2º BPM. Denúncias ou informações de forma anônima podem ser repassadas através dos telefones: (98) 3478-1567 e (98) 98613-8877, no WhatsApp Denúncia da Polícia Civil na cidade.

Ma 10

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Inep divulga resultado do Enem

As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) estão disponíveis na internet, na Página do Participante  e no aplicativo oficial do Enem. Mais de 4,1 milhões de estudantes podem acessar o resultado individual em cada uma das provas: linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação.
Para acessar os resultados individuais, é preciso usar a senha criada na hora da inscrição. Caso o participante não se lembre da senha, basta clicar no campo Esqueci minha senha. O estudante deverá, então, confirmar o e-mail cadastrado no sistema para receber uma senha temporária. Quem esqueceu a senha e também não tem acesso ao e-mail cadastrado tem a opção de informar novos contatos para receber a senha temporária.
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgará no dia 18 de março o espelho da redação, ou seja, detalhes da correção dessa prova. Isso é feito após os processos seletivos dos programas federais. A correção tem função apenas pedagógica e não é possível interpor recurso...

Governo Bolsonaro suspende nomeação de responsável pelo Enem

 
Edição extra do “Diário Oficial” tornou 
sem efeito a nomeação do economista Murilo Resende

O governo Jair Bolsonaro (PSL) tornou sem efeito na noite desta quinta-feira (17/1), em edição extra do Diário Oficial da União, a nomeação de Murilo Resende, que assumiria a coordenação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Não foi esclarecido o motivo da suspensão.
A nomeação de Resende, defensor do Escola sem Partido e admirador do filósofo Olavo de Carvalho, criou polêmica entre educadores. Murilo Resende, de 36 anos, é doutor em Economia pela Fundação Getulio Vargas (FGV) e teve o nome indicado por integrantes do movimento Escola Sem Partido.
Em uma audiência pública no Ministério Público Federal, em 2016, sobre “Doutrinação Político-Partidária no Sistema de Ensino” ele afirmou que professores brasileiros são desqualificados e manipuladores, que tentam roubar o poder da família praticando a “ideologia de gênero”.
No dia em que foi indicado para assumir, teve o nome questionado por educadores e fundações educacionais que, além de manifestarem preocupação com as posições educacionais do indicado, também apontaram a falta de experiência em educação.
Bolsonaro defendeu a indicação pelo Twitter. “É doutor em Economia pela FGV” e “seus estudos deixam claro a priorização do ensino ignorando a atual promoção da ‘lacração’, ou seja, enfoque na medição da formação acadêmica e não somente o quanto ele foi doutrinado em salas de aula”.
Em seguida, seu filho, Eduardo Bolsonaro, completou que os alunos não precisarão mais saber “sobre feminismo, linguagens outras que não a língua portuguesa ou História conforme a esquerda” já que o Enem estará “sob a égide de pessoas da estirpe de Murilo Resende”.

Metrópoles.com

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Preso idoso que aparece em vídeo abusando criança de 10 anos

Foi preso nesta quarta-feira (16) o idoso identificado como Raimundo Mendes Mouzinho, de 82 anos. O pedido foi fundamentado após divulgação de vídeo pornográfico onde o homem aparece abusando sexualmente de uma menina de 10 anos de idade.
A captura dele foi realizada pela Polícia Civil, através da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). Após o cumprimento das formalidades legais, o preso foi encaminhado ao Centro de Triagem de Pedrinhas.

RELEMBRE
Viralizou nas redes sociais no início do mês o vídeo de Raimundo Mendes Mouzinho praticando o abuso sexual. O caso foi filmado em uma casa na Vila Flamengo, em São José de Ribamar. Na DPCA, prestou depoimento a mãe da garota, que disse que não sabia da situação e que só tomou conhecimento por meio da internet. A menina de 10 anos não prestou depoimento para não ser revitimizada.

Ma10

Criminosos arrombam agência bancária na Av. dos Franceses

O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (17), entre as 2h e 3h, na Central de Monitoramento do Banco do Brasil, que fica localizada na Avenida dos Franceses, em São Luís.
Segundo informações da polícia, os criminosos isolaram os sensores do banco da parte do alto atendimento, isolaram a porta de entrada, para não travar, e, em seguida, abriram um dos caixas eletrônicos com um maçarico.
Ainda segundo as informações da polícia, uma faca e fita isolante foram deixadas pelos criminosos, que fugiram levando uma quantia em dinheiro, ainda não informada.
A polícia fez rondas nas adjacências, mas não conseguiu localizar os suspeitos.
O atendimento na agência foi suspenso por tempo indeterminado, conforme um aviso afixado nas portas da Central.

MA 10

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Concursos: Bolsonaro sanciona orçamento que prevê mais de 48 mil vagas

O projeto de orçamento de 2019, aprovado pelo Congresso Nacional em dezembro do ano passado, foi sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta quarta-feira, 16 de janeiro, sem vetos na criação das vagas. Está confirmada no documento a previsão de nada menos que 48.224 cargos, sendo 4.851 para criação e 43.373 para provimento. Os cargos disponíveis para provimento podem resultar em novos concursos este ano.
De acordo com o projeto, estão destinados R$3,38 trilhões, sendo 351,35 bilhões para o gasto com pessoal, incluindo os recursos para inativos e pensionistas.
As oportunidades são para os três poderes: Legislativo, Judiciário e Executivo. Para o Poder Legislativodestaca-se a Câmara dos Deputados com 127 cargos a serem criados e 197 para provimento, totalizando 324 cargos. Há ainda o Senado Federal, com 40 provimentos de cargos, e o Tribunal de Contas da União (TCU), com 20.
Já para o Poder Judiciário estão previstos 2.973 cargos para preenchimento, sendo 1.047 para criação e 1.926 para provimento. Esse número está distribuído entre o Supremo Tribunal Federal – STF (38 cargos), Superior Tribunal de Justiça – STJ (50), Tribunal Regional Federal – TRF (925, sendo 625 para criação e 300 para provimento), Superior Tribunal Militar – STM (30), Tribunal Superior Eleitoral – TSE e Tribunal Regional Eleitoral – TRE (1.240, sendo 370 para criação e 840 para provimento), Tribunal Superior do Trabalho – TST e Tribunal Regional do Trabalho – TRT (684, sendo 52 para criação e 632 para provimento) e Conselho Nacional da Justiça – CNJ (06).
Por fim, o Poder Executivo prevê o maior quantitativo, com 42.818 cargos, sendo 2.095 para criação e 40.723 para provimento. Do quantitativo de vagas, 11.493 são para cargos e funções vagos sem especificações de órgãos, podendo ser distribuídos conforme novas autorizações para concursos. Há uma grande expectativa para os concursos do INSS, IBGE e DEPEN. O então Diretor-Geral da PRF, Renato Dias, também confirmou que vai realizar um novo certame este ano.
A maioria é para o banco de professores equivalentes e técnicos administrativos em educação, de institutos e universidades, com nada menos que 22.559 cargos para provimento.
No texto do orçamento também consta que serão criados e preenchidos cargos na Agência Nacional de Águas (ANA). Os 26 cargos de criação e 26 de provimento mencionados no projeto são referentes à Medida Provisória nº 844, de 6 de julho de 2018, que prevê o preenchimento de 26 novos cargos comissionados. Sendo assim não haveria uma necessidade de concurso público.
Além disso, o orçamento prevê oportunidades no Ministério Público da União (MPU), com dez vagas para provimento, e Conselho Nacional do MPU, com 02. A Defensoria Pública da União (DPU) tem 2.032 vagas, distribuídas entre criação (1.582) e provimento (455).
Previsão de receita com taxa de inscrição de concurso
Uma outra boa notícia é que no documento orçamentário de 2019 são mencionadas a previsão de receita com taxas de inscrições de concursos públicos. Sendo assim, o governo se programa para abrir novos certames. Para 2019, o orçamento prevê arrecadação com taxas de inscrições de concursos de Universidades Federais, Colégio Pedro II, Cefet do Rio de Janeiro, Institutos Federais, Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e o tão aguardado concurso INSS.
Na lista das Universidades estão as instituições federais de Santa Catarina, Roraima, Tocantins, Campina Grande, Amazônia, Paraná, Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Maranhão, Pará, Paraná, Rio Grande do Norte, Acre, Mato Grosso, Piauí, entre outras.
Ministério da Economia vai avaliar concursos federais
Mudanças marcam o novo governo do presidente Jair Bolsonaro. O novo chefe do poder executivo já realizou diversas mudanças estruturais, principalmente nos ministérios. Entre elas está a extinção da pasta responsável pela autorização de concursos no âmbito federal, o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG). Agora, o órgão tem suas atribuições integradas ao Ministério da Economia.
De acordo com o setor de comunicação do Planejamento, “A Secretaria de Gestão de Pessoas (responsável pelos pedidos de concursos no âmbito federal) permanece no Ministério da Economia com todas as suas atribuições.” Com isso, as solicitações de novos editais continuarão sendo analisados pelo Planejamento, mas agora sob responsabilidade do Ministério da Economia, de Paulo Guedes.
Em 2018, diversos órgãos solicitaram novo edital de concurso público ao Ministério do Planejamento, atual Ministério da Economia. Entre os pedidos, estavam os certames para o Ministério do Turismo, Funarte, Ministério do Trabalho, Depen, Anvisa, Icmbio, Ancine, entre outros. Ao Jornal Folha Dirigida, a pasta disse que não será necessário o reenvio da solicitação de concurso para serem analisados em 2019.
“Os normativos que orientam a solicitação de concursos públicos continuam vigentes. Portanto, não se vislumbra necessidade de reenvio de pedidos para o exercício de 2019 em razão das alterações de estruturas dos órgãos e entidades.”


Por Notícias Concursos

Nascidos em janeiro e fevereiro começam a receber abono salarial

Os trabalhadores que ganham até dois salários mínimos nascidos em janeiro e fevereiro começaram a receber hoje (15) o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS). Os servidores com inscrição final 5 no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) também começaram a ter o benefício depositado.
A Secretaria do Trabalho do Ministério da Economia estima que cerca de R$ 2,8 bilhões sejam pagos a 3,4 milhões de trabalhadores. O pagamento refere-se ao abono salarial de 2018, ano-base 2017.
Os trabalhadores da iniciativa privada devem procurar a Caixa Econômica Federal. A consulta pode ser feita pessoalmente, pela internet ou pelo telefone 0800-726-0207. Os servidores públicos devem entrar em contato com o Banco do Brasil, que fornece informações pessoalmente, pela internet ou pelo telefone 0800-729-0001.
Responsável pelo pagamento do PIS, a Caixa Econômica Federal começou a depositar nesta terça-feira os valores para os clientes com conta na instituição. No caso do Pasep, o Banco do Brasil também depositou hoje o benefício para seus clientes. Os correntistas dos demais bancos só receberão o abono a partir de quinta-feira (17)...